Novidades

Pesquisa. A troca de pisos

Pesquisa. A troca de pisos

Pesquisa aponta a troca de pisos como motivo de reforma
nos imóveis brasileiros

Pisos vinílicos da ePiso são ideais para quem quer renovar a casa ou o seu negócio, pois além de práticos podem ser instalados rapidamente

 

Os Brasileiros estão cada vez mais interessados em reformar seu imóvel, seja para valorizá-lo ou para efetuar reparos. A Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) realizou uma pesquisa que diz que os Brasileiros gastaram em torno de R$ 5,4 bilhões em reformas em 2013 com previsão de aumento em 6% este ano, com objetivo de valorização do imóvel.

Outro levantamento realizado pela Hibou, empresa de pesquisa e monitoramento de mercado, feito com paulistanos de classes B e C aponta que 70 % das reformas são feitas para manutenção e solução de problemas e 43 % delas visam a troca de pisos e revestimentos.

E em uma reforma, uma das principais preocupações é com a redução do prazo da obra, evitando transtornos e sujeira. Para isso, o ideal é optar por produtos funcionais (que podem ser facilmente instalados) e de acabamento superior, como os pisos vinílicos da ePiso. Este revestimento pode ser instalado sobre um contrapiso bem nivelado ou até mesmo sobre outro piso. Basta que tanto o piso como o contrapiso esteja nivelado, limpo, seco e liso para que seja feita a instalação. Em espaços mais compactos, em poucas horas é possível ter o piso renovado, sem sujeira ou complicação.

Além da aparência natural da madeira as linhas da ePiso são produzidas com resina de PVC, geralmente reciclada e possuem superfície texturizada e estampada com padrões que também lembram a textura do linho (disponível com exclusividade na linha EcoContract Stripes). Há opções para diferentes perfis de projetos e necessidades. A linha Wood Planks, por exemplo, pode ser aplicada em pisos e paredes de projetos residenciais, (disponível em réguas de 15,24 cm x 91,44 cm) já a linha EcoClick dispensa o uso de cola (utiliza o sistema click – encaixe macho/fêmea) e pode ser usada tanto em espaços residenciais como comerciais de tráfego moderado.